25 de dezembro de 2013


JYJ Kim JaeJoong desafiou finalmente o gênero 'Rock' que ele ama. Além disso, com este último álbum, ele está realizando inúmeros concertos solo e está recebendo grandes reações. Qual é o siginificado de 'Rock' e 'show solo' de KIm JaeJoong? 
 
Em 17 de dezembro, Kim JaeJoong realizou uma conferência de imprensa para o seu 'Kim JaeJoong 1st Album Asia Tour Concert' em Osaka Jo Hall em Osaka, Japão.
 
Kim JaeJoong expressou seus sentimentos: "É a fase final do Asia Tour. Estou muito feliz de realizar meu segundo concerto no Japão, em Osaka. Eu não estava realmente em boas condições, até ontem, mas eu acho que estou melhor agora. Eu vou mostrar a minha força e cantar corretamente".
 
"Depois dos shows em Yokohama, eu acreditava que poderia realizar concertos no Japão para o 2º tempo, graças ao apoio de todos, mesmo que não estivesse previsto de antemão. Eu mudei a configuração de palco e também minhas roupas, de modo que mesmo as pessoas que já assistiram o concerto em Yokohama vão se sentir como se estivessem assistindo a um novo concerto".
 
Com o apoio fervoroso dos fãs, os ingressos SRO foram adicionados ao concerto hoje. O comentário de Kim JaeJoong sobre isso fez o salão começar a rir. "Este não é mesmo um trem, foram adicionados ingressos SRO. Como é surpreendente" Ele acrescentou. "Apesar de ser um concerto interno, é incrível que existam assentos para pessoas cegas em uma sala".
 
Kim JaeJoong definiu seu Asia Tour como um "teste para mim mesmo". "Qual o apoio que os fãs me dão para o concerto solo? Como eu poderia chamar muitos fãs em minhas performances? Especialmente no Japão, haviam 60.000 fãs presentes em meus shows, 1 em cada 5 fãs era do sexo masculino, o que me deixou chocado."
 
Neste concerto, "com exceção de uma canção, a maioria das músicas que eu escolhi para cantar são recordes estabeleciods por milhões de vendas no Japão. A canção é remanescente de 40 anos atrás, recomendada por minha mãe, que fará 70 no próximo ano. Ela disse que fez ela pensar em sua juventude. A música se chama 'Makeup'.


 Kim JaeJoong realmente tentou diferenciar cada um dos seus concertos. Ele contribuiu diretamente com ideias para o projeto roupa. Ele trabalhou com o tatuador profissional para mostrar várias formas de tatuagens em cada concerto. Não só nos aspectos musicais, mas JaeJoong também se preocupa com o visual. Kim JaeJoong disse: "Porque é o meu primeiro álbum solo, eu tinha essa ambição de fazer tudo perfeito, não só com a música, mas também com o visual, é onde contém mensagem escondida... Eventualmente eu fiz um álbum de rock visualmente forte. O que me surpreendeu foi que quando eu presenteei este álbum para meus amigos e conhecidos, eles disseram. 'Se eu só olhar para as fotos da capa eu acho que você não pode cantar. Mas, agora sei que você canta muito bem.' Então eu percebi que o preconceito de 'o melhor que é seu visual, o pior que você é o cantar' ainda existe".
 
Kim JaeJoong acrescentou. "Mesmo assim eu ainda queria mostra minha imagem versátil, não só na música" No entanto, visual rock liderado pelo cantor japonês Gackt enfraqueceu desde então. Normalmente ídolos coreanos são especializados em pop ou dança, mas Kim JaeJoong corajosamente escolheu rock. Ele revelou o motivo. "Pessoalmente, o artista que eu gosto é o Haido (Hyde) da banda japonesa L'Arc-en-ciel. Eu já gostava dele desde que eu era pequeno, por isso estou fortemente influenciado por ele". Mas a influência de Haido não predispos o rock nascido com sua própria cor de JaeJoong. Kim JaeJoong disse: "Neste álbum, elementos de rock são delicadamente adicionados ao K-Pop, pop europeu e americano. Há músicas que todo mundo vão achar familiar, não importa de que país eles são. Eu não quero fazer uma música que é tão nova que as pessoas sintam repulsa ou torne a música banal".
 
"Eu quero continuar a cantar rock. O que eu queria fazer, em última análise era rock. No entanto, até agora as pessoas que voltaram como solista com gênero rock não receberam boa reação. Então eu tenho que ser prudente".
 
Ele acrescentou: "Se eu devo fazer rock tradicional ou rock popularizado, que tipo de imagem eu deveria mostrar, esta era uma grande preocupação", "Este álbum não contém a música apenas para os fãs de rock. Ele também é rock, mas não é cheio de sons estranhos. É um álbum feito de bom equilíbrio".
 
Se você é um cantor de rock, você precisa organizar uma banda. Kim JaeJoong tinha pensado sobre a formação de uma banda de rock. "Eu estive pensando sobre a formação de uma banda desde o ano passado. Mas, então, eu acho que eu deveria fazê-lo depois do serviço militar. Se eu formar uma banda de rock, eu acho que deve ser pensado positivamente sobre o fato de que tudo deve ser feito passo a passo. Eu considero os membros da banda com quem trabalho em concertos agora, como uma equipe e eu espero que eu possa ter tempo para escolher cuidadosamente os membros para formar uma banda", Kim JaeJoong revelou o seu desejo.
 
"Eu realmente quero me apresentar em um festival de rock. Eu  acho que seria muito divertido. Se eu puder, eu quero estar no palco para executar 10 músicas e não apenas uma ou duas".


 
Apesar de um longo tempo que se passou. Kim JaeJoong ainda recebe grande amor no Japão. "Debutei como membro do DBSK, e ganhei muita popularidade desde que eu era novato. Naquela época, eu não sabia, mas depois como JYJ, eu podia senti-lo enquanto tomo um passo de cada vez. Ao invés de mostrar respeito por um estrela, os fãs vem até você quando se aproxima deles com um sentimento familiar. Como eu passei esse tempo, tive momentos reconfortantes com meus fãs em uma distância próxima. Todo dia eu penso dessa forma. Eu não tenho atividades regulares no Japão durante 4 anos já. Mesmo assim, eles compraram os meus álbuns, vieram para a Coreia para ver os meus shows, viram o meu filme e dramas. Sinto-me grato e acho que minha atividades não foram em vão. Eu fiz bem. Há muitos hoobaes (junior) que fazem sua estreia no Japão. Embora o respeito por uma estrela seja importante, pois os fãs são as pessoa que os amam, eu espero que eles se aproximem dos fãs como uma família e cresçam ao mesmo tempo tomando medidas lentamente", Kim JaeJoong deu conselhos baseando-se em sua experiência.
 
Kim JaeJoong detém um grande poder explosivo como solista, mas a sua filosofia sobre o trabalho em equipe do JYJ também é muito forte. "A fim de manter o equilíbrio do grupo, é necessário auto controle. Se você agir/comportar além um do outro, ele irá cria má influência. Estamos mantendo naturalmente o nosso equilíbrio".
 
Kim JaeJoong que passou 2013 com sua estreia solo de sucesso estava satisfeito, não deixou subir a sua cabeça, "Só para ter certeza se há alguma coisa faltando, quando eu lançar meu próximo álbum, vou voltar com uma imagem mais avançada".
 
No final, sobre o plano de turnê mundial, Kim JaeJoong disse: "Todos os cantores querem fazer turnê mundial. Mas turnê mundial leva muito tempo. Para minhas próximas atividades, eu não acho que eu deveria ganhar. Muito tempo para satisfazer essa ambição. (Ele quer fazer muitas outras atividades em vez de gastar tempo em turnê mundial). Estou muito satisfeito com esse Asia Tour. Não só eu, mas também a minha equipe do concerto nós crescemos juntos. Foi muito bom trabalhar com todos e encontrar minha própria cor de música. A força do cantar, o sucesso de direção, etc. acho que no meu próximo álbum que vai ser mais desenvolvido".
  
Fontes: [Hanhooki] [Sports World][xportsnews via Naver] [Herald] [Donga] [Chosun] [10 Asia]
Tradução Inglês: Hannah @ Prince JJ
Tradução Português: Cláudia @ JYJ Brasil
Compartilhado por: Prince JJ + JYJ3 + JYJ Brasil

Favor não retirar sem os devidos créditos.

- Copyright © JYJ Brasil - - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan -